Announcing: BahaiPrayers.net


More Books by Ridvan

Ridvan 121 1964
Ridvan 134 1977
Ridvan 137 1980
Ridvan 138 1981
Ridvan 139 1982
Ridvan 140 1983
Ridvan 141 1984
Ridvan 143 1986
Ridvan 144 1987
Ridvan 145 1988
Ridvan 146 1989
Ridvan 147 1990
Ridvan 148 1991
Ridvan 149 1992
Ridvan 150 1993
Ridvan 151 1994
Ridvan 152 1995
Ridvan 153 1996
Ridvan 153-I 1996
Ridvan 154 1997
Ridvan 155 1998
Ridvan 156 1999
Ridvan 157 2000
Ridvan 158 2001
Ridvan 159 2002
Ridvan 160 2003
Ridvan 161 2004
Ridvan 162 2005
Ridvan 163 2006
Ridvan 164 2007
Ridvan 165 2008
Ridvan 166 2009
Ridvan 167 2010
Ridvan 168 2011
Ridvan 169 2012
Ridvan 170 2013
Free Interfaith Software

Web - Windows - iPhone








Ridvan : Ridvan 143 1986

A Primavera Divina está rapidamente adiantando-se e todos os átomos da terra estão respondendo à influência vibrante da Revelação de Bahá’u’lláh. As evidências desta nova vida estão claramente manifestas no progresso da Causa de Deus. Ao contemplarmos, embora momentaneamente, o desdobrar de seu crescimento, podemos seguramente reconhecer com admiração e gratidão o irresistível poder d’Aquela Mão Onipotente que guia seus destinos.

Este progresso acelerou-se notavelmente durante o plano de Sete Anos, testemunhado pela realização de muitos empreendimentos através do mundo bahá’í e por desenvolvimentos vitais no próprio coração da Causa. A restauração e abertura à peregrinação da ala sul da Casa de ‘Abdu’lláh Pashá; a conclusão e ocupação da Sede da Casa Universal de Justiça; a aprovação de planos detalhados quanto aos edifícios restantes ao redor do Arco; o aumento de membros e expansão de responsabilidades do Centro Internacional de Ensino e do Corpo Continental de Conselheiros; o estabelecimento de escritórios de Desenvolvimento Social e Econômico e de Informação Pública; a dedicação do Templo Mater. do Pacífico, e o progresso dramático na construção do Templo da Índia; a expansão do trabalho de ensino através do mundo, resultando na formação de vinte e três novas Assembléias Espirituais Nacionais, aproximadamente 8.000 novas Assembléias Espirituais Locais, a abertura de mais de 16.000 novas localidades e a representação na comunidade bahá’í de 300 novas tribos; a edição de 2.196 novas publicações, 898 das quais são edições do Texto Sagrado, e o enriquecimento da literatura bahá’í com produção em 114 novos idiomas; o lançamento de 737 novos projetos de desenvolvimento social e econômico; três novas estações de rádio, com três adicionais a serem inauguradas brevemente. Estes são feitos proeminentes que despontam em um Plano que será relembrado por ter sido o que selou a terceira época da Idade Formativa.

A abertura daquele Plano coincidiu com o recrudescimento de uma perseguição selvagem à comunidade bahá’í no Irã, um esforço deliberado para eliminar a Causa de Deus da terra de seu nascimento. A firmeza heróica dos amigos persas tem sido o motivo principal de uma tremenda atenção internacional concentrada sobre a Causa, trazendo-a finalmente à agenda da Assembléia Geral das Nações Unidas, e, junto com uma publicidade mundial em toda a mídia, causando a sua emergência da obscuridade que caracterizou e abrigou o primeiro período de sua vida. Este processo dramático impeliu a Casa Universal de Justiça a dirigir uma Declaração sobre a Paz dos Povos do Mundo e preparar sua entrega aos Chefes de Estado e a generalidade dos governantes.

Paralelamente a estes eventos marcantes tem havido um notável desdobramento de um crescimento orgânico na maturidade das instituições da Causa. O desenvolvimento de capacidade e responsabilidade por parte delas e a contínua delegação às mesmas, de maior autonomia, tem sido fomentada pelo encorajamento de cooperação mais íntima entre os braços gêmeos da Ordem Administrativa. Este processo caminha a largos passos à medida que as Assembléias Espirituais Nacionais e Conselheiros consultam em conjunto para formular, pela primeira vez, as metas nacionais de um plano internacional de ensino. Juntos eles as devem cumprir. Juntos eles devem implementar os objetivos mundiais do Plano de Seis Anos aplicáveis à cada país. Este significativo desenvolvimento é uma digna abertura da quarta época da Idade Formativa e inicia um processo que irá indubitavelmente caracterizar esta época à medida que aumentem o vigor e a influência das comunidades nacionais e quanto estas sejam capazes de difundir em seus próprios países o espírito de amor e unidade social, que é a marca autêntica da Causa de Deus.

As metas a serem alcançadas no Centro Mundial incluem a publicação de uma tradução inglesa fartamente comentada do Kitáb-i-Aqdas e de textos relacionados ao mesmo, educação do mundo bahá’í com relação à lei do Huqúqu’lláh, seguimento aos planos para a construção dos edifícios restantes do Arco, e a ampliação das bases de relações internacionais da Fé.

Os principais objetivos mundiais do Plano já foram remetidos às Assembléias Espirituais Nacionais e Corpos Continentais de Conselheiros para suas mútuas consultas e implementação.

Queridos amigos, à medida que o mundo passa por seu momento mais sombrio antes da alvorada, a Causa de Deus, mas do que nunca luzindo com esplendor, prossegue vigorosamente àquele glorioso romper do dia quando o Estandarte Divino será desfraldado e o Rouxinol do Paraíso entoará sua melodia.


Table of Contents: Albanian :Arabic :Belarusian :Bulgarian :Chinese_Simplified :Chinese_Traditional :Danish :Dutch :English :French :German :Hungarian :Italian :Japanese :Korean :Latvian :Norwegian :Persian :Polish :Portuguese :Romanian :Russian :Spanish :Swedish :Turkish :Ukrainian :